A vida.


E naquela parede vazia da minha vida eu joguei muita tinta e espalhei cores por todos os cantos, por cima das tintas fiz vários corações e colei e depois escrevi letras das minhas musicas preferidas. Cantei todas as musicas e dei muitas risadas dançando. Os corações foram ganhando o brilho da tinta e tudo ficou lindo. Aprendi que a vida é a gente que decide como e com o que preenchê-la. Na minha, nada de vazio.

Luciana Mira

0 comentários:

Postar um comentário