Vem depressa...


E me abrace num doce reencontro.
Dos meus sonhos com a realidade.

0 comentários:

Postar um comentário