Ainda estou esperando você tocar minha campainha e entrar na minha vida de uma vez, mas não demore...


Você, que ainda é um quase, um quase melhor 
amigo e porque não dizer um quase amor?
Chegue mais perto, ultrapasse esses muros que nos 
separam e segure a minha mão, quem sabe eu 
te confesse o quanto tenho esperado por isso.
Segure-a firme, pra nunca mais soltar...

0 comentários:

Postar um comentário